Pesquisas sobre à pandemia do COVID-19

Rev. Agr. Acad., v.5, n.3, p. 25-32, Mai-Jun (2022)

Curso sobre higiene industrial e boas práticas para serviço de alimentação frente a pandemia da Covid-19. Course on industrial hygiene and good practices for food service in the face of the COVID-19 pandemic.

Raquel Coldibelli Ribeiro, Eliana Maria de Mira do Couto, Maiquel Moreira Nunes Santos, Mariana Borges de Lima Dutra

Resumo

O conhecimento sobre higiene na indústria alimentícia é primordial ao manipulador, pois pode levar a danos gravíssimos ao consumidor, e com a pandemia de COVID-19 tornou-se ainda mais indispensável. Dessa forma, este projeto buscou ensinar por meio de um curso online a importância da higienização no setor de alimentos, considerando também as novas medidas estipuladas sobre o COVID-19. Como resultado, mais de 70% dos participantes demonstraram ter compreendido as informações passadas, obtendo nota igual ou superior a 7 na prova final. Além disso mais de 60% qualificaram o curso com a maior nota. Também pôde-se perceber que o meio virtual é uma nova forma de disseminar conhecimento a população.

Download PDF


 

Rev Agr Acad, v. 4, n. 3, p. 17-24, Mai/Jun (2021) 

Impactos da interação entre seres humanos e animais de estimação com avanço do covid-19. Impacts of the interaction between human beings and pets with advancement of covid-19.

Nilza Dutra Alves¹, Mara Betânia Jales dos Santos¹, Amanda Beatriz Braz da Silva¹, Gabriel Nobre Dias¹, Enilson Cláudio da Silva Junior¹, Maria Aparecida Dantas Fernandes¹, Paula Vivian Feitosa dos Santos¹, Jonas dos Santos Silva¹, Mariana Aquino de Carvalho¹, Francisco Marlon Carneiro Feijó¹, Gardênia Silvana de Oliveira Rodrigues¹*

Resumo

A informação é ferramenta necessária para a conscientização de uma população, dessa maneira, com o intuito de assegurar uma contribuição científica, o presente trabalho teve como objetivo investigar a interação entre seres humanos e animais de estimação com avanço do COVID-19 no município de Mossoró – RN. Para isso foi aplicado um questionário através de visitas as residências nas regiões da cidade de Mossoró – RN de acordo com o método de amostragem probabilística aleatória simples. Participaram do estudo 496 pessoas. O questionário continha questões relativas à posse de animais de estimação, incluindo se cães e gatos poderiam transmitir a Covid-19 aos humanos, se houve maior interação com os pets durante a pandemia, se houve necessidade de abandono de cães e gatos durante a quarentena, se o tutor se sentiu reconfortado pela presença do animal, dentre outros dados relacionados a interação homem-animal durante o isolamento social. Observou-se que mais da metade da população tem posse de animais de companhia, e que estes serviram de conforto emocional para seus tutores durante todo o período de isolamento. Verificou-se que houve maior interação com os animais, e que a taxa de abandono durante o período de isolamento não foi crescente. Dessa forma, pode-se concluir que a pandemia da Covid-19 influenciou na interação entre seres humanos e animais de estimação, de modo que tutores e seus animais estreitaram os laços familiares.

Download PDF


 

Rev Agr Acad, v. 4, n. 2, p. 29-42, Mar/Abr (2021) 

O impacto das fake news em tempos de pandemia da COVID-19 – uma investigação das informações disseminadas através das mídias sociais sobre o uso de plantas medicinais. The impact of fake news in times of the COVID-19 pandemic – an investigation of information disseminated through social media regarding the use of medicinal plants.

Welliton Carneiro da Silva1*, Cleiton Policarpo Martins da Silva2, Guilherme Gaia Vampre3, Noah Maltempi4

Resumo

O presente artigo trata da disseminação de fake news sobre o uso de plantas medicinais “capazes” de curar e tratar os sintomas da COVID-19. Através de pesquisas em sites, foram selecionadas seis fake news relacionadas a supostas curas, publicadas entre 2020 e 2021, com posterior análise textual de cada uma, cujo objetivo foi distinguir os fatos verídicos dos falsos. Os resultados da pesquisa apontam que de acordo com a literatura científica, seis das nove plantas utilizadas para o tratamento possuem princípios ativos que são tóxicos se consumidos exageradamente. Conclui-se que as plantas medicinais devem ser utilizadas apenas como um complemento vitamínico, capazes de auxiliar no fortalecimento do sistema imunológico.

Download PDF


 

Rev Agr Acad, v. 3, n. 6, p. 55-61, Nov/Dez (2020) 

Um estudo comparativo de alertas positivos e negativos do meio ambiente em tempos de pandemia. A comparative study of positive and negative environmental alerts in times of pandemic.

Renata de Freitas Barroso1*, Carolina Alves Pereira2, Carlos André Gonçalves3, Narcisa Silva Soares4

Resumo

O mundo está passando por um período de calamidade, uma pandemia causada pelo coronavírus. A situação iniciou-se na China e foi alastrada a seus arredores mundiais. Um meio de combate atribuído para sociedade foi o isolamento e distanciamento social, podendo relacionar-se com o meio ambiente. O objetivo deste trabalho é uma revisão sistemática comparativa sobre os impactos positivos e negativos que a pandemia causou referente ao meio ambiente. Uma pesquisa sistemática foi realizada nas bases PUBMED, Scielo e Google Acadêmico, nos meses agosto a outubro de 2020 com uso de indexadores. Há vários pontos positivos com pandemia relacionada ao meio ambiente, contudo o uso indiscriminado de materiais aumentou, sendo um ponto negativo. Percebe-se que o meio ambiente respirou com a medida de isolamento social, mas ainda precisa de vários cuidados.

Download PDF